Importância do equilíbrio de nutrientes para regulação hormonal na SPM

March 1, 2018

 

O organismo feminino passa por diversas mudanças fisiológicas no decorrer da vida. A síndrome pré-menstrual (SPM) é uma das principais queixas da maioria das mulheres. Ela é caracterizada por um conjunto de sintomas físicos, emocionais e comportamentais, cíclicos e recorrentes que iniciam na semana anterior à menstruação; trata-se de um distúrbio altamente prevalente entre as mulheres em idade fértil. Estudos epidemiológicos à base de enquetes mostram que 75 a 80% das mulheres apresentam sintomas no período pré-menstrual. No Brasil, um estudo realizado em ambulatório de ginecologia demonstra prevalência da SPM entre 8% e 86%, dependendo da intensidade dos sintomas. Dos mais relatados, destacam-se 86% de irritabilidade, 17% de cansaço, 62% de depressão e 95% de cefaleia.

 

Diversas estratégias podem amenizar os efeitos adversos dessa síndrome. Uma vez confirmado o diagnóstico, é preciso inserir modificações no estilo de vida, como adoção de hábitos alimentares saudáveis, prática de exercícios físicos e suplementação de micronutrientes essenciais para a regulação hormonal.

 

O ciclo menstrual não influencia apenas o apetite e tamanho das refeições, mas estudos também relatam mudanças em tipos de macronutrientes ingeridos, além de alterações na seleção de produtos alimentícios, bem como desenvolvimento de compulsão alimentar, principalmente, por doces. Pesquisas relatam o papel de determinados minerais e vitaminas na fisiopatologia da SPM, bem como na atenuação dos sintomas indesejados. Entretanto, no período do ciclo menstrual, os níveis desses nutrientes sofrem variações que comprometem os mecanismos naturais de controle, com isso, evidenciando a dificuldade de ingerir quantidades suficientes de todos pela alimentação. Assim, torna-se fundamental o planejamento dietético com complementos que garantam esse aporte nutricional.

 

As vitaminas do complexo B e alguns minerais em conjunto reduzem potencialmente os sintomas colaterais da síndrome. A suplementação de magnésio e vitamina B6 (piridoxina) auxilia na diminuição da depressão, retenção hídrica, ansiedade, segundo estudo com relatos de participantes. Outra combinação eficaz, principalmente, para a mudança de humor, é de magnésio com ferro, vitamina B6, vitaminas B12 e ácido fólico, elementos envolvidos na síntese de serotonina e regulação do humor, além de auxiliar na minimização dos sintomas depressivos. A suplementação vitamínico-mineral é um importante aliado no equilíbrio orgânico, especialmente, para promover o controle eficaz dos efeitos colaterais provocados pela SPM, que podem comprometer a qualidade de vida das mulheres.

 

 

 

REFERÊNCIAS

 

BRILHANTE, A. et al. Síndrome pré-menstrual e síndrome disfórica pré-menstrual: aspectos atuais. FEMINA, v. 8, n. 7, p. 373-378, jul. 2010.

 

SAMPAIO, H. Aspectos nutricionais relacionados ao ciclo menstrual. Rev. Nutr., Campinas, v. 15, n. 3, p. 309-317, set./dez., 2002.

 

SANTOS, T.; LOPES, G. Tensão pré-menstrual (tpm): fitoterapia baseada em evidências. Revista UNINGÁ Review, v. 24, n. 3, p. 193-145, out/dez. 2015.

 

SILVEIRA, A. et al. Síndrome da tensão pré-menstrual observada em usuárias do ambulatório municipal de saúde da mulher. Enfermería Global, n. 35, jul. 2014.

Tags:

Please reload

Featured Posts

Gastrite pode ser prevenida com mudança de hábitos

February 28, 2020

1/10
Please reload

Recent Posts
Please reload

© Copyright 2017. Equaliv

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle