Hipotireoidismo deprime?

December 26, 2018

 

A Organização Mundial da Saúde (OMS) (2017) estima que mais de 300 milhões de pessoas convivam com a depressão, o que corresponde a um aumento de 18% no número de casos entre os anos de 2005 a 2015. A doença já é considerada a principal causa de problemas de saúde e incapacidade no mundo todo, gerando perdas anuais de 1 trilhão de dólares.

 

Embora tenha causa multifatorial, a literatura tem explorado a relação entre depressão e hipotireoidismo – doença causada pela deficiência hormonal de T3 (tri-iodotironina) e T4 (tiroxina) na glândula tireoide, assim, reduzindo o metabolismo e provocando cansaço, dores musculares e lentidão. Isso em razão das semelhanças nos sintomas das duas doenças, pelo uso de hormônios tireoidianos no manejo da depressão e devido a anormalidades no eixo hipotálamo-hipófise-tireoide terem sido constatadas em pacientes depressivos.

 

O hipotireoidismo pode provocar alterações cognitivas, depressão, melancolia e até demência em estágios mais graves. A depressão, por sua vez, diz respeito à perturbação do humor como causa ou consequência de um distúrbio orgânico e sua manifestação é bastante frequente em pacientes com hipotireoidismo. Em indivíduos com transtorno depressivo, a deficiência de T3 e T4 também possui maior prevalência. Dessa forma, pessoas diagnosticadas ou com quadro subclínico de hipotireoidismo mostram-se mais vulneráveis à depressão.

 

Um estudo avaliou a prevalência de hipotireoidismo em mulheres (n=88) entre 28 e 75 anos, diagnosticadas com fibromialgia, verificando também a presença de comorbidades. Em entrevistas semiestruturadas, os autores observaram que o hipotireoidismo em mulheres com fibromialgia (17,05%) foi sutilmente maior em comparação à população geral (10%). No grupo de mulheres com fibromialgia e hipotireoidismo, foi relatado maior ocorrência de cefaleia, ansiedade, depressão e fadiga em relação às pacientes sem hipotireoidismo. De acordo com o Departamento de Tireoide da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM), cerca de 30% dos pacientes com depressão possuem hipotireoidismo; e em torno de 50% dos hipotireoideos têm depressão, embora essa última não seja responsável por alterações na tireoide.

 

Ainda, segundo a SBEM, indivíduos com sinais depressivos devem realizar o exame de função tireoidiana, prescrito por profissional especialista, para o rápido diagnóstico e tratamento de ambas as doenças.

 

Referências:

 

ALMEIDA, M.M.R. et al. A depressão e sua relação com o hipotireoidismo. Revista de Medicina e Saúde de Brasília, v. 2, n. 3, p. 164-8. 2013.

 

ARRUDA, G.A.J.C. et al. Avaliação da prevalência de depressão no paciente com hipotireoidismo. Revista de Medicina da UFC, v. 56, n. 1, p. 44-48. 2016.

 

FREITAS, D.L. et al. Entendendo os hormônios tireoidianos: revisão de literatura. Mostra Científica da Farmácia, v. 5, n. 1, mai. 2018.

 

GÓES, S.M. et al. Prevalência de hipotireoidismo em pacientes com fibromialgia. Fisioterapia em Movimento, v. 21, n. 2, p. 125-133, abr. 2008.

 

PAHO WHO. Determinantes Sociais e Riscos para a Saúde, Doenças Crônicas não transmissíveis e Saúde Mental - Com depressão no topo da lista de causas de problemas de saúde, OMS lança a campanha “Vamos conversar”. In: ORGANIZAÇÃO PAN-AMERICANA DA SAÚDE / ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE [INTERNET]. Disponível em:

<https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=5385:com-depressao-no-topo-da-lista-de-causas-de-problemas-de-saude-oms-lanca-a-campanha-vamos-conversar&Itemid=839>. Acesso em: 30 ago 2018.

 

SBEM. Departamento de Tireoide. Doenças Tireoidianas e Depressão. 31 mar 2017. In: SOCIEDADE BRASILEIRA DE ENDOCRINOLOGIA E METABOLOGIA [Internet]. Disponível em:

<http://www.tireoide.org.br/doencas-tireoidianas-e-depressao/>. Acesso em: 30 ago 2018.

Tags:

Please reload

Featured Posts

Gastrite pode ser prevenida com mudança de hábitos

February 28, 2020

1/10
Please reload

Recent Posts
Please reload

© Copyright 2017. Equaliv

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle